Total de visualizações de página

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

O último fim do mundo!



Rabino Johanan ben Zakkai convocou um conselho na Yavne, perto de Tel Aviv moderna, em que os rabinos decidiram o seguinte: em vez dos levitas e sacerdotes, os rabinos seriam as novas autoridades espirituais, os novos dirigentes de Israel.

Durante o periodo levita e kohanim, as doutrinas, conhecimento eram passadas de pai para filhos, de geração em geração, só existia uma cultura e práticas da torah, não havia divergencia nem grupos de israelitas com ideias diferentes. Toda a Torah de Moshé era transmitida sem modificações ou confusões, até chegar o periodo rabinico, onde os rabinos tinham diversidades de interpretações e doutrinas, isso surgiu muitas seitas judaicas como os fariseus, saduceus, zelotas, e muitas outras, cada grupo com suas praticas divergentes, um modelo completamente diferente da Torah de Moshé.

No periodo do templo de jerusalem muita confusão si seguiu.

Quando o Templo foi destruído, rabino Johanan ben Zakkai disse (na paráfrase), "Temos um grande problema aqui: não podemos mais praticar de nenhuma maneira mais a fé que Moshe nos deu".

No final de sua vida, o Talmude nos diz, rabino Johanan ben Zakkai estava aos prantos. Seus discípulos vieram até ele e disse, "O grandioso mestre, porque você está chorando? Porque é que a sua alma esta em perigo?" E Rabbi Johanan ben Zakkai disse: "Estou prestes a encontrar com HaShem - Elohim - abençoado seja Ele, e diante de mim vejo dois caminhos: um líder para o Paraíso e os outro líder para o (inferno) e não sei qual o caminho que Ele me sentenciará". O fundador do judaísmo Rabínico admitiu que ele não tinha absolutamente nenhuma garantia de salvação. Ele disse que não sabia se iria para Elohim ou para o inferno por aquilo que ele fez, no final de sua vida ele estava apavorado, pois iria morrer.

Alguns de outros escritores Talmudicos foram os seguintes: Rabbi Shlomo Itzachi, Rabbi Saida Gaon ( "o gênio"), Rambnn, rabino Moshe de Nachman - (também conhecida como Nachmanides), Rabbi David Kimchi, Ibn Ezra, Rabbi Levi Ben Gershom, etc . Neste ponto, a Kabalah começou a entrar em cena. Kabala é o misticismo dentro do judaísmo, o principal trabalho foi o Zohar. Este misticismo começou na Polônia.

Muito tempo depois, houve um famoso rabino chamado Leopoldo Cohen, que estava muito incomodado com Daniel 9, que diz que o Mashiach teve que vir muito tempo antes e morrer antes da destruição do segundo Templo. Ele queria saber o que isso significava, de modo que ele leu no Talmude e viu que o mundo como forma de governo humano seria estabelecido até se completar os 6000 anos, e viu que esta ligação, de acordo com o Rabino Katina, Com o Salmo 90:4. que os judeus teriam 2000 anos sob a Lei de Moshe e a partir da morte do Mashiach o mundo teria mais 2000 anos sob a lei do Mashiach, e perto do fim um estado de caos aparecerá, o Mashiach então, quando o Shabbat tiver começado - será no começo de um novo Milenio de 1000 anos de paz. Em seguida, virá a guerra de Gog e Magog, e o Mashiach irá renovar o mundo após 7000 anos, de acordo com 'Sanhedrin' 96 ter e 99a, e Yalkut volume II p. 129d.

hoje estamos sonhando com as doutrinas de Moshe restauradas, as veredas antigas e a Torah de Moshe circuncidada em nossos corações. Tomara que o Mashiach restaure logo o Reino de Israel e derrube de vez tanta confusão.


Extraido: Facebook/josenvertgomes




Nenhum comentário: